O Grupo Volkswagen

História

 

O Grupo Volkswagen, ou simplesmente Volks, traduzido "carro do povo", é um dos maiores fabricantes de automóveis do mundo, com sede mundial na cidade de Wolfsburg, Alemanha.

 

A origem da empresa remonta à longínqua década de 1930, na Alemanha, e ao projecto de construção do automóvel que ficaria conhecido na Alemanha como "Käfer", em Portugal como "Carocha" e nos Estados Unidos e Grã-Bretanha como "Beetle". O desejo alemão era o de criar um automóvel barato, que qualquer pessoa pudesse comprar através de um sistema de poupança voltado para a sua aquisição. O engenheiro encarregado de desenvolver o modelo foi Ferdinand Porsche, apesar de grande parte de seu desenho ter sido inspirado nos carros desenvolvidos por Hans Ledwinka para a empresa Tatra.
Após 1948, a Volkswagen tornou-se um importante elemento simbólico e económico da recuperação da Alemanha Ocidental.

 

Em 1949, forma-se a "Volkswagen Finanzierungsgesellschaft GmbH" cujo o objectivo era ajudar o financiamento de automóveis no mercado local de forma a dar poder de compra aos clientes e aos concessionários.
A 8 de Março de 1950, a Volkswagen lança o seu segundo modelo de automóvel, Type2 também conhecido como a Pão de Forma - um modelo inspirado a partir do primeiro modelo, o Beetle. O Type2 pesava 750 kg e podia carregar até 1.000 kg de carga. Durante este ano, o grupo começou a exportar para a América do Sul, abrindo portas para uma produção mundial.

 

Em 1964, ocorre a aquisição da Audi/Auto-Union pelo Grupo Volkswagen. A Audi detinha os conhecimentos tecnológicos sobre tracção dianteira e motores refrigerados a água, que a Volkswagen tanto necessitava para produzir um sucessor do seu "tipo 1". A influência da Audi abriu caminho para uma nova geração de automóveis como o Polo, o Golf e o Passat.

 

Em 1966 abre a primeira empresa de leasing alemã - "Volkswagen Leasing GmbH".

 

No verão de 1986, a Volkswagen AG adquiriu uma participação de controlo na SEAT, tornando-a na primeira subsidiária não alemã do grupo e símbolo do início da internacionalização da companhia. Anos mais tarde, em 1991, o grupo deu mais um passo para a expansão das actividades, estabelecendo uma parceria com a checa ŠKODA, que ao longo da última década do século XX e depois de adquisições graduais de participações, se tornou numa subsidiária integral do grupo, adquirindo o nome de ŠKODA Auto.

 

Em Março 1994 é fundada a Volkswagen Financial Services, responsável pela gestão dos serviços financeiros do Grupo Volkswagen na Europa. Esta data deu início a um novo capítulo na expansão da financeira alemã. Em 1997 a financeira lança no mercado o primeiro produto de financiamento automóvel que combina leasing com seguro.  

 

Três marcas de prestígio automóvel foram adicionados à carteira do Grupo Volkswagen em 1998, a Bentley, a Lamborghini e a Bugatti.

 

De 2002 até 2007, a divisão automóvel do Grupo Volkswagen foi reestruturada formando dois grupos de grandes marcas com perfis diferenciados. O grupo de marcas Audi, focado em valores mais desportivos, agrupando as marcas Audi, SEAT e Lamborghini e o grupo de marcas Volkswagen, assentes em valores clássicos, com emblemas como a Volkswagen, ŠKODA, Bentley e Bugatti. Nesse mesmo ano, a Volkswagen AG delega mundialmente a coordenação financeira do grupo inteiramente à Volkswagen Financial Services  No ano seguinte, 2008, o Grupo Volkswagen anuncia a compra de participações accionistas na Scania que elevou os seus direitos de voto para 68,60%; No final do ano 2009, é feita uma fusão entre a Volkswagen e a Porsche, como plano de integrar os dois grupos.

 

Entre os anos 2008 a 2011, a divisão Volkswagen Financial Services aproveita para se expandir na Europa como também para a Rússia, Índia, Coreia do Sul e muitos outros paises. Em 2011 abre portas em Portugal com uma sucursal.